Improvisar-se Dançando

IMG_1316

[roll down for english]

IMPROVISAR-SE DANÇANDO: COMPARTILHANDO MODOS DE SER NA DANÇA é o nome do projeto de pesquisa do E aí? Coletivo Artístico (Diogo Lins, Marcela Felipe, Juan Saucedo, Kiran Gorki e Luciana F. D’Anunciação). Contemplado pelo projeto “Programação Espaço de criação” do Centro de formação e Pesquisa das Artes Cênicas Apolo- Hermilo (Prefeitura da Cidade do Recife). No período de 4 meses o coletivo  desenvolveu uma pesquisa em três ciclos, cujos foco eram: I- corpo, II – espaço e III – dramaturgia. Uma vez por mês o coletivo propôs uma prática compartilhado para com o público onde apresentavam um jogo de improvisação e propunham um segundo com a participação aberta.

O E aí? Coletivo Artístico, criado em março de 2017, é um ajuntamento de artistas da cidade do Recife interessados em investigar a prática da improvisação como mote para a criação de fazeres artísticos-políticos em dança. Este ajuntamento tem ainda a finalidade de compartilhar saberes com linguagens que tenham o corpo como protagonista, sendo assim também, potencial para diálogos com outras práticas artísticas (ex.: música, vídeo, literatura, teatro, performance), tendo em vista compreender as contribuições da prática da improvisação para a formação do artista na contemporaneidade.

Fotos: Vanessa Alcantara 

IMPROVISAR-SE DANÇANDO: COMPARTILHANDO MODOS DE SER NA DANÇA is a practice-research project developed by the collective Eai? Coletivo Artístico (Diogo Lins, Juan Saucedo, Kiran Gorki e Luciana F. D’Anunciação and Marcela Felipe) awarded by Apolo- Hermilo Performing Arts Centre’s program for research and training “Programação Espaço de criação” from the City of Recife (Brazil). During four months the collective broke down the research in three sections with focus in: I – the body, II – space, III – dramaturgy. At the end of each period they would do an open practice in which they performed a improvisation game followed by a second game inventing the audience participation.

O E aí? Coletivo Artístico, founded in March 2017, is a meeting point for Recife artists interested in investigating the practice in improvisation as catalyst for artistic-political creative processes in dance. In addition, the collective’s goal is to share knowledge and experiences that has the body as a protagonist but in relationship to other disciplines (music, video literature, theatre, performance). 

Mais sobre a pesquisa:
blog – https://corpoimprovisado.wordpress.com/
videos – https://www.youtube.com/channel/UCmy3aOXlZg7yNb8nc7Pr3UA

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s